quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Mausoléo de Lênin e necrópole do kremlin de Moscou na Praça Vermelha

Olá senhoras e senhores. Finalmente visitei um dos lugares que mais tinha curiosidade de ver na Rússia e te conto agora como é: o mausoléo de Lênin e a necrópole do kremlin.

Mausoléo de Lênin quando o visitei no verão
As paredes do kremlin de Moscou têm muitos metros de comprimento, mas do lado que ela faz fronteira com a Praça Vermelha, perto da torre Spasskaya, a mais importante de todas, está uma necrópole. Isso mesmo, uma espécie de cemitério de pessoas muito importantes. Nos tempos da revolução, muitos dos bolcheviques mais destacados que morreram em combate foram enterrados aos pés do muro. Depois de algum tempo, as pessoas que realizavam atos notáveis na URSS começaram a ser enterrados ao longo do grande muro vermelho. Os políticos mais destacados também eram enterrados ali, mas eles ganhavam também um busto e uma lápide comprida de mármore em sua memória. Os outros que mencionei antes ganharam placas negras com seus nomes e datas de nascimento e falecimento em amarelo. Entretanto, desde o sepultamento de Konstantin Tchernenko, o penúltimo Secretário Geral do Partido Comunista da URSS em 1984, ninguém mais é enterrado no kremlin. Quando o primeiro presidente russo Boris Iéltsin faleceu em 2007, foi cogitado que ele pudesse ser enterrado no kremlin, mas acabou sendo no monastério e cemitério Novodevitchy. Ser enterrado ao pé da muralha era a maior glória que um cidadão soviético poderia alcançar após sua morte.
Primeira fileira de lápides que você encontrará
Para visitar essa necrópole é mais fácil entrar pelo lado direito da Praça Vermelha, não pelo lado do portão de entrada. Você só tem que subir direto para a praça e ir seguindo, com o muro a sua direita. Quando encontrar um detector de metais e algumas pessoas, a entrada é lá. Quando fomos estava escrito na placa "staff only" (apenas funcionários), mas era lá mesmo. Você precisa abrir sua bolsa, caso tenha uma, e retirar todos os seus objetos metálicos e tecnológicos. Os guardas poderão passar um detector de metais em você, como nos aeroportos, mas normalmente não há grandes problemas, se você não carrega uma pistola ou uma espada. Depois disso, você vai caminhando por um corredor bem perto da parede, onde estão as lápides negras que citei, a sua direita, pregadas no muro e do lado esquerdo estão algumas lápides de mármore de algumas pessoas que honestamente não sei quem eram. Você vai seguindo por esse caminho e pode tirar fotos e tudo mais, mas sempre tem gente passando, então, pode ser meuo difícil de fazer isso às vezes. Mas você não pode ficar enrolando muito, senão os guardas te mandam continuar andando. Seguindo por esse corredor você chega ao mausoléo onde está exposto o corpo de Vladimir Ilitch Lênin.

Segunda fileira de lápides. Estão depois do mausoléo
Mas como assim, o cara está lá dentro então? Sim, ele está lá. Quando você vem pelo corredor, você desce uma pequena escada ao lado do mausoléo e o contorna. A partir do momento que você desceu a escadinha, guarde a câmera, desligue o celular, fale o mínimo possível e não fique parado, mexa-se. O caminho é todo cercado por aquelas "cercas" (esqueci o nome agora) que tem no bancos, para demarcar a direção da fila. Você segue em fila indiana para dentro do mausoléo. Quando você entra, já não se pode mais nem falar. Lá dentro você vira à esquerda, desce dois degraus, segue por um pequeno corredor, desce mais uma pequena escada e vira à direita. Então, finalmente você chega ao lugar onde está exposto o corpo de Lênin. Você entra pelo seu lado direito, contorna o local onde está o corpo e sai pela esquerda. Sobe um pequeno lance de escadas e vira à direita para sair na praça novamente. O lugar é bem escuro e só há luzes fracas nas curvas e sobre o corpo. Ele me pareceu muito bem conservado. Parece que dão alguns banhos químicos (não sei de quê) no cadáver para ele manter-se assim com aparência quase "intacta". Outro segredo da sua conservação é que as partes que ficam irremediávelmente putrefatas são removidas e substituídas por pedaços de plástico. Ou seja, dentro de algum tempo ali estará um boneco em vez do Lênin que um dia liderou a poderosa URSS.

Bustos dos políticos soviéticos logo após a saída do mausoléo
Quando você sai do mausoléo, você sobe três degraus e começa a passar pela outra parte da necrópole. Logo que você passa por trás da construção onde está Lênin começam a aparecer os túmulos encimados por bustos de políticos importantes do passado, como Josif Stálin, Leonid Brejnev, Yuri Andropov, Konstantin Tcherneko e outros. Não são muitos, talvez uns 15 ou 20. Passando por todos eles você vai para a última parte de lápides negras com letras amarelas. Nesse último setor, diferente do primeiro, estão pessoas que fizeram algo em nome da União Soviética mas que não eram políticos, como Yuri Gagarin (primeiro homem no espaço), Gueorgui Jukov (comandante supremo das forças soviética na Segunda Gurra Mundial) e outros. Como na primeira parte, a sua direita está a parede do kremlin com essas lápides e a esquerda estão algumas lajes de mármore com inscrições sobre pessoas que não conheço, possivelmente revoluciinários. Chegando ao final desse corredor, você vira à esquerda e sai de novo na Praça Vermelha, perto da Catedral de São Basílio.


Lápide de Yuri Alekseyevitch Gagarin
Para terminar, algumas curiosidades:
- Vladimir Ilitch Lenin foi declarado morto no dia 21 de janeiro de 1924, às 18:50. Nós visitamos seu mausoléo em 21 de janeiro de 2016, 92 anos após sua morte. Só não fui à noite (18:50) porque não pode.
- No seu obituário consta que Lênin morreu devido a arterioesclerose, mas as más línguas dizem que na verdade ele morreu de sífilis.
- Dois dias após sua morte o governo soviético anunciou que iria embalsamar o corpo, atendendo ao clamor popular. Decidiu-se então que seria construído um mausoléo onde seu corpo ficaria exposto. Foi construído um primeiro de madeira provisório e depois planejou-se o atual, que só ficou pronto em outubro de 1930.
- Durante a Segunda Guerra Mundial seu corpo foi retirado do mausoléo e escondido em Tyumen', uma cidade siberiana próxima aos montes Urais. Após a guerra ele foi retornado ao seu lugar.
- Josif Stálin foi colocado junto com Lênin no mausoléo e lá ficou da sua morte em 1953, até 1955, quando o então líder soviético Nikita Khruschyov mandou enterrar o georgiano na necrópole do kremlin.
- Durante o governo de Boris Iéltsin, o presidente e a igreja queriam retirar Lênin de lá e enterrá-lo, mas houve uma forte oposição de vários setores da sociedade e desistiram da ideia.
- Se quiser saber quem são todas as pessoas que estão enterradas no kremlin, a Wikipédia tem a relação completa delas. Você pode vê-la clicando aqui.

Bom, por ora é isso amigos. Não sou comunista, mas tinha muita curiosidade em saber como era uma múmia moderna. Se quiser comentar algo sobre o mausoléo ou a necrópole, é só escrever aqui embaixo, ok? Até a próxima!

Informações úteis
Horário de funcionamento: terça, quarta, quinta e sábado, das 10:00 às 13:00. Domingo, segunda e sexta: fechado.
Como chegar: de metrô, basta descer na estação Okhotny Ryad' (Охотни Рядь) da linha vermelha e caminhar em direção à Praça Vermelha. Dentro da praça, olhe para a parede do kremlin, o mausoléo está mais ou menos perto da grande torre Spasskaya, a que tem um relógio preto com números romanos dourados.

Preço: grátis

4 comentários:

  1. Privet, moy brat!

    Como sempre, um artigo sensacional. É um privilégio poder frequentar lugares tão interessantes e com tanto significado histórico.
    Mas, gostaria de que me confirmasse algumas informações, se possível:
    1 - Procede a informação de que a equipe que cuida do corpo de Lênin é de altos funcionários do governo russo?
    2 - Procede a informação de que esta é uma profissão que passa de pai para filho?
    3 - E fato ou mito que a fórmula do fluido que preserva o corpo é um dos segredos mais bem guardados pelo Estado?
    4 - Porque Krushyov não quis que Stálin também ficasse exposto da mesma forma que Lenin?

    Bom, é isso. Grande abraço dos amigos Kleber, Dani e Samuel!!!

    Poka!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kleber!

      Muito obrigado pelas palavras. Sim, é bem legal poder visitar tantos lugares com tanta história para contar.
      Bom, vamos aos questionamentos:
      1 - Não diria que são altos funcionários, mas são bem exclusivos.
      2 - Sobre a profissão passar de pai para a filho, não encontrei essa informação em nenhum lugar. Pode ser, mas não sei se é verdade. Acrediti que não.
      3 - Procuramos a fórmula, mas não encontramos em lugar nenhum. Mas também não encontrei que é um segredo. Talvez seja segredo, mas ninguém diz que é.
      4 - Essa eu não sei dizer porque, mas eu suponho que seja por ele considerar o Stalin um criminoso contra a humanidade e contra seu próprio povo, então, ele não poderia ficar exposto junto com o grande líder da URSS.

      Muito obrigado e grande abraço para todos vocês! :)

      Excluir
  2. Olá, fantástico o que você escreveu. Uma pergunta: No túmulo de Stalin, Breznev (os que tem um busto dos caras) é possível eu chegar perto e colocar um buquê de flores??? No de Lenin também é possível depositar flores?

    ResponderExcluir
  3. Olá Heberson! Muito obrigado pela visita.
    Sobre a sua oergubta, bom no mausoleu do Lenin não pode deixar nada lá. Já do lado de fira onde estão os bustos, eu acredito que possa sim, mas é bom perguntar a algum guarda primeiro. Dica: se você for deixar flores lá, tem que ser em número par (duas, quatro, seis, etc). Nunca se deixa flores nos túmulos em número ímpar, sempre par.
    Valeu pelo conentário!

    ResponderExcluir

Antes de comentar, é preciso saber que existem algumas regras por aqui:
1 - os comentários sempre são moderados. Se escrever uma vez e parecer que deu erro, não deu não.
2 - se for perguntar algo, verifique se sua pergunta tem a ver com a postagem onde vai comentar. Se não tiver, o comentário será ignorado.
3 - se pensa em pedir alguma ajuda para imigrar para a Rússia (quase todos os dias recebo esse tipo de mensagem), nem perca seu tempo.
4 - seja educado. Afinal de contas, dizer "olá" e "obrigado" não custa nada.
5 - quer dar alguma sugestão para postagem? Inscreva-se no blog primeiro. Assim os dois se ajudam.

Se conseguir observar tudo isso acima (e não é difícil, convenhamos), seu comentário é muito bem-vindo.