terça-feira, 31 de maio de 2016

Datcha, a casa de campo dos russos

Olá amigos! Amanhã começa oficialmente o verão aqui na Rússia. Então falarei de algo muito tradicional entre os russos nesse período que são as casas de campo, que eles chamam de datcha. Vou te dar uma ideia de como elas são.

Uma datcha clássica
A datcha (дача) é uma pequena casa, normalmente feita de madeira (ultimamente estão aparecendo mais casas de alvenaria) e que fica, claro, fora das cidades, para descansar nas férias, depois de um período de trabalho duro. A tradição das datchas já é bem antiga entre os russos (embora seja difícil de precisar uma data exata de quando ela começou). No entanto, nos tempos do império somente as pessoas ricas tinham datchas, para onde eles fugiam por algum tempo, para "tomar um ar" no verão. Nesses tempos não havia uma classe média e, afora os ricos, só existiam pessoas pobres na cidade e camponeses. Nenhum desses tinha condições de ter uma datcha. Com a aparição da União Soviética, a ideia da datcha foi popularizada e as pessoas ganhavam um pedaço de terra e nele construíam a sua datcha (talvez por isso elas eram de madeira muitas vezes). Nos tempos da URSS, quase todas as famílias tinham uma datcha. Após a queda do colosso socialista ficou muito mais difícil ter a sua própria datcha. Então, é comum que pessoas por volta de 50 anos tenham suas datchas (as que não venderam, claro), ao passo que os mais jovens, na faixa dos 20 ou 30 anos, não tenham. Como todos dão maior prioridade a comprar uma casa ou apartamento do que uma casa de campo, a compra de uma datcha é postergada ou, em muitos casos, sequer considerada.
Um dia na datcha, na visão de muitas pessoas
As datchas podem ficar perto de alguma vila ou em lugares mais remotos. Algumas poucas vezes elas podem estar perto de estações de trem, mas isso é algo um pouco raro. Então, a melhor maneira de chegar a elas é de carro. Os ônibus para esses lugares são bastante escassos e irregulares. As casa em si são mais ou menos como as casinhas feitas por pessoas que não sabem desenhar. As pessoas vão para lá a partir do fim da primavera e param quando já começa a esfriar no outono e o inverno vai chegando. Ninguém mora por meses lá. Elas vão para passar o fim de semana, fazer um churrasco, tomar umas cervejas, passear pelas florestas, recolher cogumelos, curtir a natureza de qualquer outra maneira e também para fazer reparos na própria datcha. Enfim, é um lugar para relaxar, assim como as pessoas no Brasil vão para a casa na praia e não ficam lá por meses nem moram lá (bom, algumas moram). Mas, já me disseram também que na verdade as pessoas não conseguem descansar nas datchas, já que sempre plantam algo, têm alguma coisa para consertar ou reformar, mudam alguma coisa, então, acabam trabalhando mais que relaxando. De qualquer maneira, é diferente.

Depois de trabalhar duro na datcha, é sempre bom descansar
Alguns me perguntam se dá para morar na datcha. Não dá. Principalmente no inverno. Primeiro, porque as datchas não têm aquecimento central. Você até pode construir uma lareira para se aquecer, mas, quando você vai cortar a lenha para ela? Você não pode simplesmente ir para a floresta derrubar árvores para a sua lareira, como os camponeses faziam antes. Além disso, dependendo do lugar, também não há água encanada. Tem que abrir um poço e viver dele. No inverno vai ser difícil de viver lá. Enfim, não é possível viver permanentemente em uma datcha. Ela não tem estrutura para isso. Ela serve para se passar um tempo apenas, quando se está quente. Se você vai construir uma casa com a estrutura necessária para viver sempre nela, você vai gastar muitos rublos e será difícil (para não falar impossível)  arranjar um trabalho perto da sua casa. Sem contar que, morando para sempre lá, ela deixa de ser uma datcha e vira uma casa. Aparte tudo isso, há o problema legal: você não pode se registrar em uma datcha. Os russos precisam se registrar em um endereço (falarei sobre isso no futuro) e o governo não registra pessoas em datchas, apenas em casas de povoados.

Por enquanto é isso. Espero que depois desse post as pessoas parem de perguntar se dá para viver numa datcha. Se tiver alguma outra pergunta, é só comentar aqui embaixo. Até a próxima!

6 comentários:

  1. Que doidera esse lance do registro? Os demais tópico sobre não morar numa datcha são até compreensíveis! Uma dúvida, nas datchas tem energia e essas coisas? Como não tem aquecimento acho que tudo congela no inverno né, algumas coisas, com o tempo seriam destruídas pela ação do tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, sim, tem isso de se registrar em uma casa. Se você não é registrado em nenhum lugar, você não tem documentos, não pode conseguir um trabalho formal etc. Herança da União Sovietica.
      Bom, eletricidade tem. Aquecimento normalmetne não. Algumas pessoas colocam, mas por conta própria. E bom, acho que por isso eles estão sempre reformando tudo por lá, porque depois de um inverno duro, as coisas ficam meio estragadas por lá.

      Excluir
  2. Oi, Luciano, tudo bem?

    Muito obrigado pelas suas postagens, são muito interessantes. Agora a minha pergunta: é possível um estrangeiro comprar uma casa ou apartamento na Rússia?

    Obrigado.

    Christian

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Christian!

      Muito obrigado pelas considerações.

      Sim,claro que é possível. O mais importante é o dinheiro, Tendo isso, eles fazem nengócio sem nenhum problema.

      De nada!

      Luciano

      Excluir
  3. Talvez vivem no país no inverno.
    Você pode comprar lenha (1500 rublos por metro cúbico) e instalar a bomba em um poço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me desculpe, mas você já passou uma noite numa datcha com a temperatura abaixo de 0? Eu sim. É possível fazer uma vez, assim, no fim de semana. A casa leva um tempo para se aquecer (algumas horas), depois você tem que sempre ficar de olho adicionando lenhas. A noite o fogo apaga e você acorda meio congelado. Tem que aquecer de novo. Claro, se quer viver uma vida selvagem, tudo bem. Mas se você é uma pessoa com trabalho e a vida comum, viver na datcha no inverno é uma loucura, seja com lenhas ou não. Somente pessoas totalmente sem dinheiro fazem isso.

      Excluir

Antes de comentar, é preciso saber que existem algumas regras por aqui:
1 - os comentários sempre são moderados. Se escrever uma vez e parecer que deu erro, não deu não.
2 - se for perguntar algo, verifique se sua pergunta tem a ver com a postagem onde vai comentar. Se não tiver, o comentário será ignorado.
3 - se pensa em pedir alguma ajuda para imigrar para a Rússia (quase todos os dias recebo esse tipo de mensagem), nem perca seu tempo.
4 - seja educado. Afinal de contas, dizer "olá" e "obrigado" não custa nada.
5 - quer dar alguma sugestão para postagem? Inscreva-se no blog primeiro. Assim os dois se ajudam.

Se conseguir observar tudo isso acima (e não é difícil, convenhamos), seu comentário é muito bem-vindo.